Allstars on Facebook

Jogo

Liga C3, 2020-02-16 às 21:00 @ São Miguel

Nota do árbitro: 5

1 - 2

200200

MVP: João Cabral

Falência CF vs Socceroos All United

Socceroos All United vencem por duas bolas a uma, um jogo que podia pender para qualquer lado!

Duelo entre duas equipas que estão em polos opostos na classifacação, mas que dentro de campo não se viram grandes diferenças!

No São Miguel, Falência Fc recebia os Socceroos All United para a realização do jogo em atraso da 2ª jornada da Liga C3!

O jogo começou com o centro do terreno muito povoado, com ambas as equipas a perceberem isso e apostarem no jogo direto através de bolas nas costas da defesa. Foram várias as tentativas, mas todas sem sucesso, uma vez que os centrais João Cabral dos australianos e Diogo Serrano dos espanhóis estavam intransponíveis! O tempo ia passando e na primeira oportunidade o primeiro golo! Desequilíbrio no corredor central criado por Gonçalo Ramalho e com um passe bem medido isolou Pedro Almeida que na cara do guarda redes não vacilou! Os Kangoros estavam empolgados e logo de seguida com uma jogada do lado esquerdo por pouco não chegavam mesmo ao 2-0 não fosse o árbitro anular por fora de jogo! A Falência CF acordou e começou a subir no terreno, duas boas jogadas a terminar a primeira parte davam um bom mote para o que se vinha a seguir.

 

Início do segundo tempo e golo do Falência! Diogo pela esquerda fintou dois adversários, fez um cruzamento rasteiro atrasado e André (estrangeiro) fez o empate! Os Socceroos não estavam a conseguir jogar, por isso apostavam na sua grande arma! As bolas paradas! Qualquer lance após o meio campo saia uma bola para a área para os centrais Zé Rafa e Cabral usarem o seu poder aéreo para desempatar a partida. E num canto o golo apareceu mesmo! Botelho cruzou, um defesa espanhol cortou para trás e João Cabral ao 2º poste, sem deixar a bola cair, rematou de primeira para um golo de levantar o estádio!! Após este golo, o jogo ficou mais parecido com início da primeira parte, com ambas as equipas a não quererem cometer erros e apostar nas bolas longas. Com isto as oportunidades desapareceram e o resultado não mais se alterou!

por Tomás Sousa