Allstars on Facebook

Jogo

Liga B1, 2020-02-10 às 21:00 @ Inatel

Nota do árbitro: 2

0 - 2

100200

MVP: Miguel Braga da Costa

Racing vs Heinakeres FC

Heinakeres vence Racing e continua invencível

Os cervejeiros derrotaram o Racing por 2-0 e continuam no topo da Liga B1, sem qualquer derrota até ao momento.

O primeiro lance de perigo do jogo pertenceu a Titó, com o médio a rematar dentro da área e a ver Nuno Melo negar-lhe o golo com uma grande defesa. Depois foi Justino a tentar de livre direto mas Melo voltou a exibir-se a grande nível. O Heinakeres estava melhor no jogo e cheirava a golo. À terceira foi de vez e os cervejeiros inauguraram o marcador: lance de bola parada a favor dos homens de verde, com Braga a ir lá a frente mostrar como se faz, subindo ao primeiro andar e cabeceando certeiro para o fundo das redes.

O Racing estava com dificuldade em criar perigo, muito por culpa da boa pressão efetuada pelo Heinakeres. Os argentinos jogavam com o bloco mais baixo e não conseguiam sair a jogar, acabando por ter pouca posse de bola e sem conseguir chegar em posse à área adversária.

O Heinakeres ia continuando a dominar e esteve perto de marcar após boa jogada de entendimento entre Aki e Titó, mas o remate do médio saiu ao lado do poste. Mesmo antes do intervalo, Aki teve uma ocasião soberana para trazer mais tranquilidade à sua equipa mas o remate do médio foi devolvido pelo poste. Pouco depois o árbitro apitou para o descanso e as equipas foram para as cabines com o resultado em 1-0 a favor do Heinakeres.

 

O Racing entrou melhor na segunda parte e o primeiro lance de perigo saiu dos pés de David “Ronaldo”, com o médio a trocar as voltas a Manel e a rematar para uma grande defesa de Rodrigo. Os argentinos iam crescendo no jogo com o passar dos minutos e subiam mais no terreno, encostando o Heinakeres à sua área e dificultando a primeira fase de construção dos cervejeiros. Neste fase, os homens de verde jogavam com as linhas mais juntas e procuravam suster a avalanche de futebol ofensivo do Racing, tentando depois sair em contra-ataque com bolas para as costas da defensiva adversária.

Algo contra a corrente de jogo, o Heinakeres chegou ao 2-0, na sequência de uma grande penalidade a castigar falta sobre Braga. O próprio encarregou-se da marcação e rematou com calma, bisando no jogo e trazendo mais segurança à sua equipa.

Depois do 2-0 o jogo perdeu qualidade, com as equipas a deixarem-se levar por picardias e a obrigarem o árbitro a intervir mais vezes. Até ao apito final, o Racing tentou de tudo para chegar ao golo mas o Heinakeres fechou-se bem atrás e mostrou muita coesão defensiva, impedindo os argentinos de marcar.

 

Vitória justa do Heinakeres, que segue invicto no comando da Liga B1 e espera agora por uma escorregadela da Zona O.

por Frederico Seruya