Allstars on Facebook

Jogo

Divisão Allstars, 2018-05-21 às 22:00 @ Inatel

Nota do árbitro: 5

4 - 1

200000

MVP: Pedro Melo

The Hammers vs Los Moustaches

Hammers conquistam o bi-campeonato!

Num jogo de alta importância, os Hammers não vacilaram e sagraram-se bi-campeões da divisão allstars!

Os Hammers entraram muito concentrados e logo na primeira jogada chegaram ao golo! Tiago Cavalheiro abre na direita para Palma que cruza rasteiro para Melo atirar a contar! Futebol simples e eficaz. Do outro lado, após uma bola depejada, Nuno Gomes ganha na área e atira para uma excelente estirada de Martim Peixe! Estava dado o aviso e o golo chegaria pouco depois. Kiko Oliveira trabalhou bem na esquerda, soltou em Frederico Nunes que rematou cruzado para o golo! Estava resposta a igualdade, mas não iria durar muito tempo. Justo, de longe, remata colocado e volta a colocar os Hammers em vantagem no marcador! De seguida, grande oportunidade para dilatar a vantagem: Dinis recebe isolado e, à saída do guarda-redes, tenta picar mas o chapéu não saiu com as coordenadas certas! Ainda assim, os londrinos iam mesmo chegar novamente ao golo: lançamento lateral para a área e, após alguma confusão e alguns ressaltos, a bola acaba por desviar num defesa e transpõe a linha golo! Os Moustaches não baixaram os braços e continuaram à procura do golo: Nunes ganha a linha na esquerda, puxa para o pé esquerdo e atira forte para mais uma grande defesa de Martim! Chegou o intervalo e o placard marcava 3-1.

O intervalo fez bem aos moustaches que se organizaram melhor e voltaram focados em fazer o seu jogo. Nascimento (estrangeiro) transporta a bola desde a defesa, tirando vários adversários do caminho, faz um passe a rasgar para Vieira com este a tirar o cruzamento e Nuno a alvejar a baliza mas a ver o seu remate passar a milímetros do poste! Mas os Hammers continuavam letais no ataque e faziam uso das suas armas: abertura para Justo, este cruza para Melo que recebe, roda sobre o defesa e dispara cruzado para o golo! Com o resultado fixado em 4-1 e a sensação de bi-campeões a pairar na cabeça dos Hammers, a equipa foi gerindo a partida, com posse de bola e a fechar bem os espaços. Até final, os Moustaches dispuzeram ainda de duas chances para reduzir. Primeiro, Nunes remata de longe com a bola a passar perto do poste. Depois, num contra-ataque conduzido por Nascimento, Nuno recebe e cruza para a entrada da área onde aparece Kiko a rematar para um grande corte de Zé Rafa que impediu que a bola entrasse na baliza! Pouco depois o apito final soou e a festa londrina começou, os Hammers sagram-se bi-campeões!

 

por Afonso Barroso